Archive for February, 2012

Como configurar a câmera IP similar à Foscam

Posted in Tecnologia, Uncategorized on February 28th, 2012 by Administrador – 2 Comments

Comprei recentemente uma câmera IP pelo site Dealextreme. Ela é muito parecida com a câmera Foscam, e funciona em uma rede sem fio doméstica, ou pela Internet. Pode ser usada para segurança residencial, comercial, como monitoramento de seu bebê, etc. Seu nome, câmera IP, vem do fato dela usar um IP, ou um número que a identifique na rede, podendo ser acessada praticamente de qualquer lugar pela Internet.

www.dealextreme.com/p/standalone-ip-wireless-wifi-lan-camera-with-night-vision-and-pan-tilt-motors-26358

Essa câmera é fantástica. Tem uma boa resolução, é silenciosa, e principalmente, é barata. Pode ser encontrada por US$ 65,00. Se comprarmos diretamente da China, do site Dealextreme, corremos o risco de pagar o imposto, já que custa mais de US$ 50,00. Mas mesmo assim, compensa. No Brasil, a mesma câmera pode ser encontrada por, no mínimo, uns R$ 200,00.

Tive, e ainda estou tendo, muita dificuldade para configurá-la. Não que seja difícil, mas o conhecimento de redes de computadores necessário é de médio para cima. Então se prepare. São muitos os detalhes, é bem extensa a terminologia em redes para entender cada passo do passo-a-passo. Mas é bem melhor aprender do que pagar um técnico em informática.

O primeiro passo é configurar a câmera. Para isso, é necessário conectá-la diretamente ao roteador, como se fosse um computador. Ao fazermos isso, atribuímos um endereço Ip à câmera, que pode ser verificado através do programa Ip Câmera Tool. Esse programa, que vem junto num CD, ou pode ser baixado da Internet, identifica o Ip que a câmera pegou. A atribuição de um endereço Ip pode ser feito de duas formas: ou por DHCP, onde o roteador escolhe aleatoriamente, dentro de uma faixa, um Ip para a câmera. Ou atribuindo um Ip fixo, sendo necessário também informar o gateway, DNS, etc.

No meu caso, minha rede tem a forma 192.168.0.XXX. Optei por dar um Ip fixo, 192.168.0.109 para a câmera. Fiz isso da seguinte forma:

Pegamos esse endereço Ip, aquele encontrado pelo Ip Câmera Tool, e digitamos diretamente no navegador (Internet Explorer ou Firefox), e pronto. Estamos, dessa forma, dentro da câmera. Esse Ip, como foi feito via cabo, foi escolhido pelo roteador. Então pode ser, por exemplo, o 192.168.0.100. Ao digitarmos esse Ip no navegador, entramos na câmera, e aí sim, vamos escolher um Ip fixo, definitivo. Isso é feito na opção Device Management -> Basic Network Settings. Da próxima vez que abrirmos o Ip Câmera Tool, veremos que ele irá aparecer logo de cara, e sempre com o mesmo Ip que escolhemos (no caso, 192.168.0.109). Ao digitarmos ele no navegador, já estaremos dentro da câmera. Nesse ponto, você pode até desconectar o cabo de rede, pra ver se ela já é localizada via wi-fi.

Caso você não esteja conseguindo se conectar (caso o Ip não apareça no Ip Câmera Tool), é porque faltou configurar a senha de acesso à rede na sua câmera. Volte o cabo de rede nela, digite o Ip no navegador, e na opção Device Management -> Wireless LAN Settings, preencha os campos de acordo.

Podemos agora visualizar as imagens que a câmera capta. Ela gira para todos os lados, tem a função de se movimentar aleatoriamente sozinha, etc. Estamos, nesse ponto, com acesso à câmera em nossa rede doméstica apenas. De qualquer computador é possível ver a câmera, bastante saber o usuário e a senha, e o Ip da câmera.

No próximo post explicarei como acessar a câmera pela Internet. No momento, ainda estou apanhando um pouco, mas assim que ficar redondo, posto as coordenadas aqui.

Como pagar empréstimo antecipado

Posted in Interessante, Oportunidades on February 20th, 2012 by Administrador – 3 Comments

Muitas pessoas que têm empréstimos em bancos ou financeiras podem estar em boa situação, e podem querer quitar algumas parcelas (ou até o total). Esse é o exemplo clássico de antecipação de parcelas, amortização, liquidação de empréstimo. Chame como quiser.

Quitar um empréstimo tem muitas vantagens. Uma delas, por exemplo, é conseguir um desconto no valor. Normalmente, quando se paga um empréstimo, ou se pagam algumas parcelas, a instituição financeira responsável oferece um desconto proporcional à totalidade do que falta pagar. Ou seja: quanto mais parcelas forem pagar, maior o desconto.

Existem duas formas principais de se antecipar as parcelas de um empréstimo. Uma, é a chamada liquidação crescente, onde são antecipadas as parcelas que viriam normalmente na sequência. Você paga a parcela do mês que vem, e do outro mês seguinte, por exemplo.

Outra forma de se pagar um empréstimo é quitando as parcelas lá do final do seu financiamento. Você pode quitar a última, a antepenúltima, etc… é o chamado “pagar de baixo para cima”, ou “pagar do fim pro começo”.

Qual a diferença entre esses dois tipos de pagamento? Eu não sei. Sei que, de acordo com o tipo de amortização contratado pela empresa de financiamento, quando você paga as parcelas do começo, você estaria pagando parcelas que geram lucro na forma de juros para o banco. Isso porque as primeiras parcelas são assim mesmo, primeiro dão a vantagem para a instituição. As últimas parcelas, essas sim são as parcelas relativas ao que você contratou de fato, sem muitos juros para o banco. São parcelas mais “reais”.

Se você paga parcelas do começo, você está pagando bastante para a instituição. Eles recebem o que lhes é devido. Mas você pode se ver livre de parcelas que te atormentam no começo dos financiamentos, por exemplo. Pagando algumas logo de cara, você ficaria livre, pelo menos por alguns meses, do financiamento contratado.

Pagar parcelas do “fim para o começo” têm também suas vantagens. Você está diminuindo o tempo do seu empréstimo. Antecipando 10 parcelas do fim, por exemplo, você terá 10 meses a menos para pagar. Isso é válido, quando a pessoa tem planos para o futuro, e que já ir planejando tudo.

A diferença na ponta do lápis entre esses dois tipos de amortização não é fácil de se calcular. Isso porque, quando se tem dinheiro para quitar empréstimo, não necessariamente sabemos se vamos ter mais dinheiro mais para frente. Se não vamos ter dinheiro mais pra frente, o melhor é não pagar. Guarde pra eventuais necessidades.

Se você vai ter dinheiro mais pra frente, o cenário muda. Você pode pagar as primeiras parcelas… e assim que receber mais dinheiro, pode, ou aplicar um pouco (caso tenha pago muitas parcelas, e tenha “folga” do financiamento), ou pagar mais parcelas do começo. Pode também liquidar um monte de parcelas do final. Pagando do final, se pagam mais parcelas em quantidade do que se pagarmos no começo, com a mesma quantidade de dinheiro. Lembra-se dos juros que se paga aos bancos no começo? Eles que acabam diferenciando a quantidade de parcelas pagas com a mesma quantidade de parcelas.

Faça as contas.

Eu gostei do circo

Posted in Curiosidades, Interessante on February 18th, 2012 by Administrador – Be the first to comment

A última vez em que fui num circo tem, pelo menos, uns 25 anos. Lembro vagamente de ter ido com meu pai, quando eu era criança ainda. O palhaço me deixou meio traumatizado naquele dia. Numa de suas brincadiras, ele sentou no colo do meu pai, fez alguma graça… e é só isso que lembro.

Hoje tive o prazer de ir num circo com minha filha. É um circo bem modesto, familiar, como dizem por aí. Acompanhei esses últimos dias ele subindo aos poucos, devagar. Bem do lado de casa.

Ver as pessoas levantando o circo, fazendo uns gatos, endireitando as antenas Sky em seus traillers, não me causou boa impressão. Meio que fui preconceituoso, julgando aquele povo que se instalavam num terreno baldio, sem cerimônia.

Ao entrar no circo, no entanto, mudei radicalmente de opinião. Ver os palhaços, que no dia anterior davam duro pra erguer os postes, as grades… ver o homem que cospe fogo, e que no dia anterior, capinava parte do terreno… ver a adolescente trapezista, que no dia anterior, parecia uma vagabunda, estirada numa rede, à toa…

Como somos preconceituosos. Tive a imensa felicidade de sorrir com as piadas contadas pelos palhaços. Meus olhos, tanto quanto os de minha filha, brilharam quando vi os malabares. Me emocionei quando vi o palhaço, que segundos antes estava no palco, e que momentos depois estava na correria, vendendo brinquedinhos na platéia.

Trabalhar em circo não deve ser fácil, mas o trabalho deve ser dos mais gratificantes. Ver o sorriso das crianças, dos adultos, que se entregam a essa volta à infância, deve ser demais.

O que é o Funk

Posted in Curiosidades, Imagens on February 11th, 2012 by Administrador – Be the first to comment

Retirei a seguinte definição da Wikipedia:

Funk é um gênero musical que se originou na segunda metade da década de 60 quando músicos afro-americanos, misturando soul, jazz e R&B, criaram uma nova forma de música rítmica e dançante. O Funk tira o ênfase da melodia e da harmonia e traz um groove rítmico forte de baixo elétrico e bateria no fundo. Músicas de Funk são comumente baseadas em um acorde apenas, distinguindo-se das músicas de R&B, que são centradas nas progressões de acordes.

O Funk pode ser melhor reconhecido por seu ritmo de batidas repetitivas sincopado, pelos vocais de alguns de seus cantores e grupos (como Cameo, ou The Bar-Kays). E ainda pela forte e rítmica seção de metais, pela percussão marcante e ritmo dançante. Nos anos 70 o funk foi influência para músicos de jazz (como exemplos, as músicas de Miles Davis, Herbie Hancock, George Duke, Eddie Harris entre outros).

Piano Funk

Piano Funk

Percebe-se que, no Brasil, Funk não remonta a suas origens nobres, e nem de longe lembra ícones como James Brown. O que se vê hoje em dia é o total descaso com a definição de um gênero musical, atribuindo a qualquer “barulho” o nome “Funk disso”, “Funk daquilo”, como se fosse Funk de verdade.

De quem é a culpa? Pode-se dizer que a popularização de recursos eletrônicos acabaram proliferando, nas camadas mais pobres da população, o direito de achar que qualquer lixo com rima seria Funk. É o exemplo clássico da mentira bem contada, que aceita por todos, pode acabar virando verdade. Um canta pro outro, um acha que aprendeu a rimar, outro acha que é MC da casa do caralho, e o circo está montado. É Funk e pronto e acabou.

Cuidado. Funk de qualidade você não encontra por aí…

Atestado de babaca no trânsito

Posted in Imagens, Natureza on February 10th, 2012 by Administrador – Be the first to comment

Se você topar com um babaca desses no trânsito, qual a sua reação cotidiana?

Motorista babaca

Motorista babaca

Foto clássica na piscina

Posted in Engraçado, Imagens on February 10th, 2012 by Administrador – Be the first to comment

Quem nunca quis tirar uma foto assim?

Voando na piscina

Voando na piscina

Como fazer um mojito

Posted in Curiosidades, Imagens, Impressionante on February 10th, 2012 by Administrador – Be the first to comment

Mojito, para quem não sabe, para quem nunca foi pra Cuba, é um coquetel feito com rum, açúcar, hortelã, limão e soda.

Sua origem é incerta, mas diz a lenda que ele foi criado em alto mar. Ernst Hemingway é um dos responsáveis por disseminar a origem incerta de sua criação.

Mojito

Mojito

Alternativas para o fim das sacolas plásticas

Posted in Imagens, Natureza on February 10th, 2012 by Administrador – Be the first to comment

É sabido que, com o fim das sacolas plásticas nos supermercados, a população teve que procurar alternativas para poder levar suas comprar para casa. É sabido também que os supermercados transferiram a responsabilidade para o consumidor, sendo que, o correto, seria os próprios supermercados fornecerem alternativas ecologicamente corretas, como sacos de papel, por exemplo.

Sacolinha plásticas pra que

Sacolinha plásticas pra que

Companheiro é companheiro

Posted in Engraçado, Imagens, Natureza on February 10th, 2012 by Administrador – Be the first to comment

Amizade é tudo nessa vida.

Amigo é amigo

Amigo é amigo

As vó pira

Posted in Engraçado, Imagens on February 10th, 2012 by Administrador – Be the first to comment
As vó pira

As vó pira

As vó pira nas peraltices