Como Pode?

Icon

Você já se fez essa pergunta hoje?

Como passar no vestibular

Se você está terminando o segundo grau, e está pensando em fazer uma faculdade, já começou a se preparar para o vestibular?

Para entrar na faculdade, com algumas poucas exceções, é necessário que o estudante faça uma prova, um teste que avalie se ele tem mesmo condições de cursar o próximo nível, o nível superior. É o chamado vestibular.

Para passar no vestibular, o pressuposto é que o estudante tenha os conhecimentos básicos necessários para seguir a carreira escolhida. Por exemplo, se ele quer seguir uma carreira da área de humanas, como direito, letras, ele deve estar mais apto em disciplinas pertinentes a essa área, como português, história, geografia. Caso queria alguma carreira de exatas, deve ter habilidades em matemática, física. E por aí vai.

Não necessariamente o estudante deve saber tudo de exatas, caso vá cursar letras. Mas deve saber o mínimo. O mesmo para uma carreira de saúde. Ele não precisa saber tudo sobre a literatura.

Evidentemente, estamos falando da formação necessária para passar no vestibular. De fato, para a formação do indivíduo, o ideal é que ele domine tudo, de todas as áreas. É consenso dizer que, para uma boa formação, nenhuma matéria deve ser desprezada.

Realmente, isso se vê no dia-a-dia dos principais vestibulares do país. As melhores intituições, que diz-se, formam os melhores profissionais, têm os alunos mais bem preparados em todas as disciplinas. Ingressam os indivíduos com melhor formação geral. Não que isso signifique que somente os melhores alunos entram. Mas o gargalo, o que peneira os contemplados, é a formação geral.

Para passar no vestibular, então, é preciso que o estudante esteja bem preparado. E para preparar-se, é necessário estudar.

Muitos dos estudantes que passam no vestibular estudaram bem durante o ensino médio. São bons alunos de fato, têm o talento. Mas nem todos estudaram como deveriam, ou por não precisarem, pois passam com facilidade nos exames, ou têm preguiça.

Outros, tornaram-se bons alunos pelo esforço. Podem não ser tão geniais assim, mas dedicaram-se, e como fruto de seu esforço, alcançam bons resultados.

Os que entram nas melhores universidades, e pegam as melhores vagas, são quem então? Ora, basicamente, são aqueles que tiveram uma boa formação no ensino médio, são geniais, e dedicaram-se aos estudos. São a nata do ensino médio. São alunos incomparáveis.

Evidentemente, nem todos os que passam são assim. Esses, os super privilegiados, são poucos. Basta conversar com qualquer estudante de qualquer boa universidade para ver que nem todos são gênios assim. Muitos, a grande maioria, são esforçados. Fazem parte do grupo dois, da sub-divisão. São esses os exemplos a serem seguidos.

É possível passar em qualquer vestibular de qualquer universidade. Nem todos os que passam fazerm parte do primeiro escalão. O Sol brilha para todos. Muitos dos que entram nas faculdades passaram por muitas adversidades, contratempos. Não são geniozinhos, não nasceram em berço de ouro, não tiveram professores particulares.

Se você quer passar no vestibular, saiba que sua vaga está garantida. Você não está disputando com outros concorrentes. O único com quem você deve ser preocupar é com você mesmo.

Não existe, com o advento da tecnologia, desculpas para dizer que não está preparado para o vestibular. Todo o conteúdo programático, todos os exercícios que vão cair no vestibular, todos os temas de todas as redações de todos os vestibulares estão disponíveis na Internet. Não necessariamente está tudo mastigado, tudo esmiuçado. Mas com certeza, tudo o que cair no vestibular o Google pode mostrar algo parecido.

Dizer que não tem dinheiro para pagar um cursinho, que não tem acesso ao plantão de dúvidas, que não teve aulas com os melhores professores, nada disso é desculpa para não estudar, para se preparar. Hoje, seja via redes sociais, portais de vestibular, mecanismos de busca, etc… tudo está disponível. E grátis. Basta procurar.

Estudar para o vestibular é ter dúvidas. É questionar o conteúdo programático. É pegar uma matéria, de qualquer disciplina, e responder o maior número possível de perguntas que encontrar. Se não está com o material em mãos, peça. Busque. Faça um resumo. Responda as perguntas de vestibulares anteriores. Fique com dúvidas. Deixe a dúvida martelar a sua cabeça por um tempo… até encontrar a resposta. E passe para a pergunta seguinte.

A metodologia de estudo para o vestibular também está disponível na Internet. Basta procurar o curso e a Instituição de ensino desejada, e ir atrás de quem passou. Pergunte para o cara aprovado como ele estudou. NÃO HÁ aluno aprovado que não vá te dizer como estudou. Todos que passaram orgulham-se de suas conquistas, e podem te ajudar. E é com eles que está o segredo. Não com o professor do cursinho, formado há 30 anos atrás. Não com responsável pela apostila do cursinho tal. Quem passou é quem sabe.

Estude. Não perca seu tempo na Internet. Foque nos estudos. Aproveite todo o tempo livre para ficar com dúvidas. E o tempo que sobrar, gaste resolvendo essas dúvidas. Leia muito. Invente variações de exercícios. Pergunte-se o porque de tal exercício ter sido formulado, tentando encaixá-lo na matéria. Está sem a matéria? Procure.

Lembre-se da segunda divisão, dos alunos que irão passar no vestibular, pois estudaram, esforçaram-se. Você deve fazer parte desse grupo. Não há outra alternativa, pois, se você não for um gênio, não terá chances. Prepare-se para o maior desafio do vestibular. Vencer a si mesmo.

Ladrão viciado passa por baixo de caminhão em movimento

O espiral da morte das formigas

Você já deve ter visto algumas formigas andando pelo mesmo caminho, na mesma trilha. Isso acontece porque as formigas expelem uma substância chamada feromônio. É através do feroônio que outras formigas se guiam, seja para encontrar a comida, ou para retornar ao formigueiro.

Formigas

Formigas

Se você passar o dedo, ou pasar óleo na trilha das formigas, elas irão ficar desorientadas. Isso acontece porque o feromônio se dispersa, e elas não têm mais o caminho das pedras para seguir.

Um fenômeno intrigante acontece com as formigas. Pode-se dizer que é um dos grandes equívocos da mãe natureza, que permite que tal tragédia aconteça. Algumas espécies de formigas enxergam muito pouco, e guiam-se tão somente pela trilha de feromônios. No entanto, por um infeliz acaso, as formigas podem começar a andar em círculos. Sem motivo aparente, e sem entender o que ocorre, elas simplesmente andam.

Outras formigas podem entrar na dança também. Caso isso ocorra, o caos está instalado, e cada vez mais formigas se juntam à incessante busca por… nada. E andam até a morte.

Incrível vôo sem pára-quedas em buraco na montanha